Cores sobre superfícies metálicas: texturas e reflexos inusitados

A imaginação inquieta e o olhar questionador de Tatiana Stropp encontraram nas chapas de alumínio o substrato próprio para o desenvolvimento de seu trabalho autoral. Uma única pincelada produz uma faixa reta colorida, cuja combinação e entrelaçamento com outras faixas resultam em grades ou redes, com efeitos surpreendentes de tonalidades e reflexos sobre a superfície metálica. Desde 2003, a autora passou a desenvolver essa técnica, utilizando as chapas de alumínio. Grade e rede têm, normalmente, o sentido relacionado com limites e separações; mas também com contatos, comunicações e conexões – como sugerem as pinturas de Tatiana. A cor é um aspecto notável nestas obras. Para valorizar e explorar os diferentes tons, a opacidade e a transparência, a artista utiliza a técnica da velatura. As camadas de tinta são tênues, proporcionando sua mistura no alumínio, criando efeitos de opacidade e de reflexos da luz ambiente na própria superfície da pintura. As obras de Tatiana Stropp convidam o observador a desvendar um universo de tonalidades, formado por pinceladas aparentemente simples, mas que guardam uma complexidade de reflexos.